CONCILIAR

Família, amigos, trabalho, responsabilidades, aspirações, política, sociedade, gestão… “Tempo, tempo, tempo, mano velho… Vai, vai, vai, vai…1

O início de mais um mês significa muito mais do que o progresso do ano. Abril representa mais um aniversário, três (3) anos do Francisco, como passou rápido! Um mês de aula dada na graduação e muitas tentativas de conciliação.

Confesso que às vezes é desanimador. Em certos momentos parece que você conseguiu uma grande conquista, tudo está acertado com os parceiros e as muitas negociações e resoluções aparentam solidez. Porém, muda a gestão e o trabalho realizado se torna improfícuo. Lamentável, porque o tempo é inexorável e não adianta imaginar ou idealizar um dia com mais do que vinte e quatro (24) horas.

Muitas vezes parece que o senso de dever foi deixado de lado, mas o que devemos considerar como nosso verdadeiro dever? Todos nós assumimos muitos compromissos imaginando-nos capazes de dar conta do recado e conciliar as diversas demandas do nosso dia-a-dia. Cabe ressaltar, porém, que não somos super-homens, tampouco deuses capazes de prever as emoções, vaidades, humores e apetites que permearão nosso ser psíquico e os desejos e aspirações dos nossos convivas no banquete das relações humanas.

O que importa é continuar lutando. Buscar a única coisa que realmente nos faz sentir vivos, a ambição da realização, da conquista, do reconhecimento. O sorriso do meu filho e da minha esposa após uma nova brincadeira ou uma boa conversa, uma tarde compartilhada com os amigos tomando um copo de cerveja e tendo um ótimo bate-papo, uma aula bem dada depois de um bom tempo preparando esta mesma aula.

Ninguém é perfeito, mas em algumas horas do dia, parece que chegamos perto da perfeição, porque “quase” tudo ao nosso redor se torna perfeito. Então, as desilusões são esquecidas e, como tolos estúpidos, acreditamos novamente que aquelas parcerias podem se conciliar com nossas aspirações e apostamos novas fichas.

Às vezes, vencemos…

 

1. Sobre o tempo – Pato Fu

 

Anúncios

Sobre chicoteixeira

Se você pensa ou procura alguém que gosta de estudar, jogar futebol e assistir quase todos os tipos de esportes, então você está no lugar certo.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

3 respostas para CONCILIAR

  1. Juliana disse:

    Excelente texto professor!

  2. Backcountry discount disse:

    I am actually delighted to read this weblog posts which contains plenty of valuable information, thanks for providing such statistics.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s